Páginas

12 de abril de 2016

Juliana Moraes Sousa é contra expulsão de Marcelo Castro do PMDB

A deputada estadual Juliana Moraes (PMDB) se manifestou, nesta terça-feira (12), sobre a possibilidade do Ministro da Saúde, Marcelo Castro, ser expulso do PMDB, por se manter ainda no Governo da presidente Dilma.

O presidente do PMDB no Piauí, João Henrique, confirmou que foi procurado, por uma pessoa, que ele preferiu não identificar, para assinar um requerimento pedindo a expulsão do deputado federal Marcelo Castro. João Henrique se recusou a assinar o requerimento. 
Deputada Juliana Moraes(Imagem:Bárbara Rodrigues/GP1)
Juliana Moraes, apesar de ser a favor do impeachment, afirmou que não acredita em expulsão e que é preciso respeitar a posição dos filiados. “Não existe expulsar. Não existe nada disso. Isso é um fato que estão tentando promover dentro do PMDB. O PMDB é livre para tomar uma posição. Cada um segue com o seu pensamento”, declarou.

Juliana também se manifestou sobre o áudio do vice-presidente Michel Temer (PMDB) onde ele fala como se já tivesse acontecido o impeachment. O pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) será votado no próximo domingo (17) na Câmara Federal.

Para a deputada, o vazamento do áudio não deve ter uma repercussão negativa para Michel Temer. “De forma alguma [é uma repercussão negativa]. O vice-presidente tem a posição dele. Acho que a pessoa tem que ir atrás do que acredita e eu acredito que o melhor para o Brasil é o impeachment”, declarou.

Segundo a deputada, é difícil prever o resultado da votação “Só Deus [sabe qual será o resultado] e a consciência dos deputados que o povo elegeu. O absurdo é a gente achar que está tudo bem do jeito que está”, declarou.


Fonte:  GP1

Nenhum comentário: