Páginas

12 de fevereiro de 2016

Prefeitura de Cocal bate meta de visitas para combate ao mosquito Aedes aegypti

A Prefeitura de Cocal, através da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), bateu a meta estabelecida no início do ano de visitas a domicílios e logradouros com o objetivo de combater o mosquito Aedes aegypti. O trabalho em conjunto dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de endemias foi determinado na apresentação do plano emergencial de combate ao Aedes aegypti, no dia 19 de janeiro. 
A secretária municipal de Saúde, Eliane Carvalho, explica que cada ciclo de visitação às residências dura dois meses, e que os agentes têm um número determinado de locais a visitar. “Foram 6.088 imóveis elegíveis para visitação de controle vetorial. No entanto, antes de cumprirmos os dois meses do ciclo de visitações, já visitamos quase 9 mil imóveis. A média é de 400 imóveis visitados por dia", diz a secretária.
As visitações são realizadas de segunda à sexta-feira. O agente comunitário de saúde, além das ações habituais, também é responsável pela orientação dos moradores em relação ao controle do mosquito. Já o agente de endemias é responsável pela verificação do ambiente, busca de focos de lavas e pela dispersão do larvicida nas áreas afetadas.

O município, além da junção dos agentes, também realizou, no último dia 2, uma carreata para chamar a atenção da população para o problema, que percorreu todos os bairros da cidade. Além de faixas e cartazes, também foram distribuídos panfletos explicativos sobre as três doenças transmitidas pelo Aedes aegypti: a dengue, a febre chikungunya, e o zika vírus, relacionado à explosão de casos de recém-nascidos com microcefalia, no Brasil.


Fonte: ASCOM | PMC

Nenhum comentário: