Páginas

9 de dezembro de 2015

Padastro é preso suspeito de estuprar menina de 4 anos; mãe seria conivente

Uma menina de apenas quatro anos está internada no Hospital de Urgência de Teresina (HUT) desde o início da madrugada desta quarta-feira (9). Suspeitos de graves maus tratos contra a criança, a mãe e o padrasto, identificados apenas como Leila e Erinaldo, foram presos pela Polícia Militar. O Conselho Tutelar de Teresina informou que a menina tem deficiência, pode ter sido estuprada e estava sem comer havia quatro dias. 
Os conselheiros tutelares informaram ter recebido denúncias de que a vítima era gravemente agredida pelo padastro. Vizinhos disseram ao Conselho que, além das agressões físicas, a menina não comia havia quatro dias. O padrasto e a mãe da garota foram presos em flagrante por policiais do 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM).
Lesões na região genital da menina indicam estupro, mas exames realizados pela perícia do IML ainda confirmarão o abuso, que constitui estupro de vulnerável. A criança foi inicialmente atendida no hospital do bairro Buenos Aires, zona Norte. De lá, a criança foi encaminhada para o HUT. 
De acordo com a assessoria de comunicação do hospital, a criança está recebendo todos os atendimentos necessários, segue em observação e seu quadro clínico é estável.

Fonte: Cidadeverde.com

Nenhum comentário: