Páginas

12 de setembro de 2015

Mães de santo saúdam presidente Dilma com 'bençãos de Exú' no Piauí

Presidente Dilma Rousseff em Teresina (Foto: Reprodução/Twitter Dialoga Brasil)
Cumprindo agenda no Piauí durante toda esta sexta-feira (11), a presidente Dilma Rousseff desembarcou em Teresina por volta das 15h. Na capital do Piauí, a presidente seguiu para uma casa de shows, onde foi saudada com bênçãos por vários integrantes do candomblé, Umbanda e Macumba.

“Demos bênçãos de Exú para a nossa presidente para que ele abra os caminhos e ajude a resolver os problemas do país. Também entregamos a ela um pedido para que vote o plano nacional a contra a intolerância religiosa, pois sofremos muito com isso. Nossas religiões são discriminadas e esquecidas pelos governos”, afirmou a mão de santo Yatyllyssa, do estado de Roraima, uma das participantes do Seminário dos Povos dos Terreiros, evento que está ocorrendo em Teresina até do dia 15 de setembro.

Kaylane Coelho Campor, do Rio de Janeiro, também deu bençãos para a presidente Dilma Rousseff e pediu atenção para o combate à intolerância. "Fui apedrejada no meio da rua em minha cidade porque estava vestida de roupa da umbanda. Vim pedir para a presidente que ela aprove nosso plano de intolerância religiosa, pois nos merecemos respeito. Já fui para vários lugares vestidada assim e quero que minha religião seja respeitada como faço com as demais", contou.

Em seu discurso, a presidente Dilma Rousseff agradeceu as flores e bençãos que recebeu das mães de santo. A gestora está em Teresina para a edição regional do Dialoga Brasil, um fórum de participação digital que recebe propostas de cidadãos para melhorar as ações do Executivo federal.

Além disso, a presidente tem um encontro com empresários em um restaurante da Zona Leste de Teresina.

Visita Transnordestina
A presidente Dilma Rousseff esteve no Piauí nesta sexta-feira (11) visitando as obras dos lotes 6 e 7 da ferrovia Transnordestina na cidade de Paulistana, Sul do estado Dilma chegou em uma locomotiva acompanhada do governador Wellington Dias (PT), do presidente nacional do Partido Progressista (PP) Ciro Nogueira e de Ciro Gomes, ex-governador do Ceará e atual diretor da Transnordestina Logística S/A.


Fonte: G1 / PI

Nenhum comentário: