Páginas

12 de setembro de 2015

Justiça determina que Chimbinha mantenha distância de Joelma

A Justiça do Pará determinou que o músico Chimbinha, ex-marido da cantora Joelma, não poderá chegar perto da artista, de acordo com informações divulgadas pela advogada dela nessa sexta-feira (11). A decisão tem como base a Lei Maria da Penha, que fornece proteção para mulheres em situação de risco. O caso tramita em segredo justiça, por se tratar de um caso de conflito familiar.

Na última quarta-feira (9), a cantora registrou um boletim de ocorrência em uma delegacia do Pará, alegando que estava se sentindo ameaçada pelo músico. Caso descumpra a decisão, Chimbinha poderá ser punido. "O descumprimento pode acarretar desde aplicação de multa até prisão preventiva, de acordo com avaliação do juiz e a gravidade do caso", explicou a delegada Daniela Santos.

De acordo com Patrícia Bahia, advogada da artista, as medidas protetivas já estão valendo.“Já foram deferidas as medidas protetivas.Foi determinado que ele não pode se aproximar dela em situação alguma, incluindo shows e gravações, e deve manter distância de 100 metros. A agenda dela vai ser mantida com o novo guitarrista".

Hermínio Faria Neto, advogado do músico, a defesa dele ainda não foi notificada. Entretanto, a decisão não altera a situação do casal, pois ele nãoe está forçando um relacionamento com Joelma.

"A medida protetiva é feita unilateralmente. O que ocorre é que esta decisão não tem conteúdo, pois eles não estão morando juntos, nem tocando juntos. Não há ofensa.Entendemos que a Joelma tenta revidar o fato do Chimbinha ter feito uma ocorrência primeiro, que recaiu sobre uma amiga dela", disse.



Fonte: Na Mira

Nenhum comentário: