Páginas

18 de julho de 2015

Estudantes de medicina cortam pênis de bebê em vez de cordão umbilical

Erros médicos sempre acontecem e, em alguns casos, eles acabaram deixando sequelas irreparáveis nos pacientes. Foi o que quase aconteceu no Estado de Coahuila, no México, durante um parto.

Estudantes de medicina cortaram o pênis de um bebê em vez de cortar o cordão umbilical. Segundo informações do tabloide inglês The Sun, eles ocultaram o erro dos pais e encaminharam a criança para uma cirurgia de emergência.

Os distraídos conseguiram colocar o órgão no lugar, mas acabaram causando mais lesões no garoto. Ao descobrirem o incidente, os pais ficaram furiosos. O hospital e autoridades abriram uma investigação sobre o caso.


Fonte: Imirante.com

Nenhum comentário: