Páginas

7 de abril de 2015

“A Libertação”: o último jornal de Parnaíba que circulou no sistema artesanal


Fundado no dia 23 de abril de 1983 pelo jornalista Bernardo Batista Leão e seu filho Arlindo Leão, o jornal “A Libertação” foi o último confeccionado em Parnaíba pelo sistema artesanal: tipo, quadrado, linha, compunidor, bolandeira, pinça, quadro de ferro fundido, cunha com chave, papel linha d’água e a impressora de ferro fundido, movida por um motor trifásico e uma pessoa no comando.
O órgão circulou por 21 anos ininterruptos, daquela data até o dia 31 de dezembro de 2004 e era bissemanal (quarta e sábado).
O jornal “A Libertação” tinha como lema “Antes morrer lutando a viver sem uma causa” e o seu quadro de colaboradores era formado pelo que Parnaíba tinha de mais expressivo no seu mundo político, social e intelectual. Possuía sucursal em Teresina, Rio, Brasília e São Paulo.


Fonte: Portal do Catita

Nenhum comentário: